Design de materiais multifuncionais a partir de biopolímeros

Orador: Ana Barra

Os materiais eco-sustentáveis com propriedades elétricas e magnéticas estão na origem de tecnologias promissoras, com inúmeras aplicações biológicas, tais como a área biomédica ou a área das embalagens alimentares. O design de biocompósitos permite combinar biopolímeros abundantes na natureza, com fases inorgânicas dispersas que conferem as propriedades elétricas ou magnéticas. A quitosana é um biopolímero encontrado nas cascas de crustáceos, que se destaca pela sua capacidade de formar filme e pela sua atividade antioxidante e antimicrobiana. A combinação estratégica deste biopolímero com partículas como óxido de grafeno reduzido, nanotubos de carbono ou magnetite, permite responder a necessidades específicas de tecnologias emergentes. Por exemplo, o desenvolvimento de uma embalagem alimentar condutora de eletricidade para pasteurizar os alimentos por campo elétrico pulsado ou o desenvolvimento de biomateriais magnéticos para a terapia do cancro por hipertermia magnética.